quinta-feira, 11 de Dezembro de 2008

Preservativo (Perguntas e Respostas)

O preservativo é um método seguro?

Sim sem dúvida, quando usado correctamente e se for em conjunto com um espermicida a eficácia é quase total.

O que é o preservativo feminino?

Tal como o diafragma, é utilizado pela mulher e pode ser introduzido antes da relação sexual. Evita o contacto com o esperma uma vez que reveste o interior da vagina. Vantagens Por ser feito de poliuretano em vez de látex, a probabilidade de uma ruptura durante o uso é dez vezes menor. Dá à mulher mais controlo e liberdade de contracepção. Oferece uma boa protecção em relação às infecções sexualmente transmissíveis. Pode ser colocado em qualquer momento, antes da relação sexual genital. Desvantagens É mais caro e mais difícil de encontrar que o preservativo masculino. Leva mais tempo a adquirir prática para o colocar correctamente Algumas mulheres têm problemas em tocar no interior da sua vagina Pode produzir alguns barulhos durante as relações Actualmente o preservativo feminino não está em comercialização no nosso país.

O que fazer no caso do preservativo rebentar, romper, falhar?

É importante dizer que a maioria dos preservativos não rompe. No entanto algumas falhas de fabrico, embalagem, transporte ou utilização podem diminuir a sua eficácia. Embora o risco de contraíres uma DST no caso de um dos parceiros estar infectado, seja real, é possível evitar uma gravidez se a rapariga estiver no período fértil, recorrendo à Contracepção de Emergência ou “pílula do dia seguinte” (no prazo de até 72 horas após a relação sexual)

Que cuidados devo ter com os preservativos?

Verifica sempre a data da validade impressa na embalagem do preservativo - no caso de estar fora de prazo ou de a embalagem estar danificada, não utilizes esse preservativo. Confirmar que tem certificado de qualidade. Se for necessária uma lubrificação adicional, utiliza apenas lubrificantes aquosos, á base de água- não utilizes produtos à base de óleo ou álcool (óleo para bebés, vaselina, cremes cosméticos, óleos de massagem) pois podem danificar ou enfraquecer o látex dentro de quinze minutos. Qualquer medicamento que se aplique tanto ao pénis como à vagina poderá afectar o preservativo. Em caso de dúvida deves sempre pedir opinião ao teu médico ou farmacêutico ou entrar em contacto com um serviço de informação sobre sexualidade juvenil. Nunca deves usar um preservativo mais de que uma vez. Conservar a embalagem em lugar fresco e sem contacto directo com o sol e com temperaturas mais elevadas. Abrir a embalagem com cuidado sem utilizar objectos cortantes e evitar que as unhas ou anéis rompam o preservativo. O preservativo não é reciclável, nem reutilizável. Embora seja muito raro, há pessoas que podem fazer alergia ao latex; se isso acontecer deves consultar um serviço de atendimento / aconselhamento juvenil ou o centro de saúde.

Sem comentários: